quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

140.000 para o Pé.

Segundo O Globo, uma das anotações encontradas na casa de Luiz Carlos Bezerra, apontado como um dos operadores de Cabral, faz referência à propina de R$ 140 mil, possivelmente paga a Pezão no dia 20.
No manuscrito aparece o número "140.000" e, ao lado, a palavra "Pé".
Em outro apontamento, cujo título é "Saída 2/14", aparecem alguns valores e nomes, entre eles o número "140.000" ao lado da palavra "Pezão?".
Em outro bilhete com o título "Saída 1/14" aparece novamente o número "140.000" ao lado da palavra "Pé".
A mesma referência consta em outra anotação com o título "janeiro", e em mais uma na qual o valor é seguida da possível data "20/1".
Há ainda um manuscrito com o valor R$ 50 mil, ao lado do nome de Pezão.
Blog Sim Nós Podemos!!!!👉👈?