**

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

"O mestre da dissimulação"

Michel Temer tem de camuflar suas manobras contra a Lava Jato.
É o que sugere Helio Gurovitz, do G1:
“É difícil, a esta altura, que Moreira Franco, alcunhado Angorá nas delações da Odebrecht, tome posse como ministro. Temer não pode pagar, perante a opinião pública, o preço da defesa do nome dele, num momento em que pretende chamar a atenção para a agenda de reformas e recuperação econômica. Angorá ficará desprotegido, ao alcance de Moro.
Os juízes, procuradores e delegados da Lava Jato têm munição para atingir quem quiserem no governo – o alvo de ontem foi o presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Para garantir a sobrevivência de seu grupo político, a estratégia de Temer precisa ser mais sofisticada.
Mestre da dissimulação, ele sempre soube desviar dos projéteis que lhe foram dirigidos. Na Presidência, ficou mais difícil. Cada vez que seu intuito implícito ficar claro para a opinião pública, como nos casos de Moreira Franco e Moraes, ele perderá um pedaço de seu capital político. E capital político, como o próprio Temer sabe bem, não é um recurso inesgotável”.
Blog Sim Nós Podemos!!!!👉👈?