segunda-feira, 13 de março de 2017

"Contribuir para todos"? Se toca Odebrecht.

O antagonista.
Papo furado de Emílio Odebrecht sobre "contribuir para todos" os partidos.
Ele, aparentemente, tentou igualar o inigualável.
Aécio Neves pediu 15 milhões de reais para a sua campanha de 2014. Segundo Marcelo Odebrecht, o tucano não levou o dinheiro.
Já a campanha de Dilma Rousseff embolsou, pelo menos, 150 milhões de reais em propina nos caixas 1, 2, 3 e sabe-se lá mais como.
Blog Sim Nós Podemos!!!!👉👈?