**

quinta-feira, 2 de março de 2017

Projeto quer apressar repatriação de propina no Rio.

Joias que Sérgio Cabral comprou para a esposa Adriana Ancelmo são avaliadas em 1 milhão  
Ernesto Neves
Joias que Sérgio Cabral comprou para a esposa Adriana Ancelmo são avaliadas em 1 milhão (Ministério Público Federal/Divulgação)
Um projeto de lei apresentado pelo deputado Bruno Dauare (PR-RJ) quer acelerar a repatriação do dinheiro desviado dos cofres fluminenses. Hoje, o processo é vagaroso, e pode ficar emperrado por anos na justiça.
O deputado propõe a criação de um atalho através de ações civis. Dessa forma, quando for feita uma delação, por exemplo, a justiça poderia decretar a alienação dos bens desviados imediatamente. O produto do roubo seria convertido em dinheiro, e depositado numa conta.
“A legislação penal é antiga, datada dos anos 60. E por isso não tem a velocidade que vamos precisar”, explica Dauare. “Hoje, a demora pode ser tão grande que as joias, barcos e aeronaves podem se deteriorar, perdendo o valor”, exemplifica.
Blog Sim Nós Podemos!!!!👉👈?