quarta-feira, 12 de abril de 2017

Não por acaso Renan achou R$ 500 mil pouco.

O presidente do Senado, Renan Calheiros 
Gabriel Mascarenhas
Renan Calheiros chiou quando a Odebrecht ofereceu-lhe 500 000 reais em 2010. Ele achou que era pouco. De certa forma, tinha razão. Naquele mesmo ano, seu conterrâneo, o histórico Fernando Collor embolsou 800 000 reais.
Mas o líder do PMDB não tem do que reclamar. Em outras transações espúrias, ele recebeu milhões da Odebrecht nos últimos anos.
Blog Sim Nós Podemos!!!!👉👈?