quinta-feira, 6 de abril de 2017

PGR retoma acordo com OAS.

O Globo informa que a delação premiada da OAS foi retomada:
"Os acordos estão sendo negociados entre procuradores da Lava Jato de Brasília e de Curitiba e advogados dos executivos. As negociações envolveriam Léo Pinheiro e pelo menos 14 outros ex-dirigentes da OAS".
E mais:
"Os executivos teriam se comprometido a reafirmar e detalhar as acusações apresentadas nos anexos das primeiras negociações. Também acrescentaram denúncias relativas a magistrados, que não apareciam nas tratativas inicias. Esse acréscimo de nomes e áreas teria sido decisivo no momento de as duas partes se entenderem.
Na primeira fase, antes das negociações terem sido suspensas, executivos da OAS fizeram acusações contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, contra dirigentes da campanha da ex-presidente Dilma Rousseff e contra os senadores Aécio Neves e José Serra".
Blog Sim Nós Podemos!!!!👉👈?