segunda-feira, 1 de maio de 2017

Exclusivo: Advogado de Lula contratou filho de ministro a ser delatado pela OAS.

O antagonista
A Folha revelou mais cedo que a OAS vai contar em delação premiada que o ministro Humberto Martins, vice-presidente do STJ, teria recebido propina por meio do escritório de seu filho Eduardo Filipe Martins.
Ainda não há detalhes da suposta atuação do ministro e de seu filho em favor da OAS. Mas O Antagonista sabe que Eduardo Filipe foi contratado por Cristiano Zanin para atuar numa causa envolvendo o comando da Fecomércio-RJ.
A ação, que começou a tramitar na Justiça do Rio, hoje está no STJ. Como revelamos AQUI e AQUI, Zanin depois contratou também Adriana Ancelmo (mulher de Cabral) e Paulo Salomão Filho (sobrinho do ministro Luís Felipe Salomão), entre outros advogados.
Em sua nova proposta de delação, segundo a Folha, os executivos da OAS prometem entregar também Adriana, justamente por atuar no Judiciário em benefício da empreiteira.
Embora a mulher de Cabral e o filho do vice-presidente do STJ tenham trabalhado como prepostos de Zanin em outra causa, integrantes do MPF estão desconfiados de tamanha coincidência. Zanin é advogado de Lula, o principal delatado da OAS.