terça-feira, 6 de junho de 2017

"A questão é moral e política"

Leia um trecho da coluna de Hélio Schwartsman, da Folha de S. Paulo, sobre o julgamento no TSE:
“Não há mais dúvida de que a chapa Dilma-Temer foi alimentada por recursos ilícitos em grande escala. Cassá-la, portanto, seria um caso de justa aplicação da lei com o bônus de ajudar a resolver a encrenca política.
O que pode estar provocando hesitações nos ministros é que, por mais que existam elementos fáticos e jurídicos para anular a vitória da chapa, é difícil não ver nessa solução uma espécie de efeito gambiarra, já que estaríamos utilizando um atalho. Temer, afinal, não estaria sendo removido do cargo pelos crimes de que é acusado, mas pela feliz coincidência de existir um processo inconcluso contra Dilma que o arrasta com ela (…).
Quaisquer que sejam as objeções teóricas e jurídicas à cassação, a questão, me parece, é antes moral e política. Não dá para fingir que não vimos Temer numa situação absolutamente inapropriada com um empresário que confessou ter distribuído propina por toda a República. Se o TSE tem a melhor chance de arrumar as coisas, ainda que pelas tangentes, não vejo por que não utilizá-la”.
Blog Sim Nós Podemos!!!!👉👈?