**

sexta-feira, 2 de junho de 2017

A reta final de Janot.

Rodrigo Janot, nas próximas semanas, vai desengavetar todos os processos contra a ORCRIM.
Leia a reportagem de Malu Gaspar:
“O mandato de Janot termina em 17 de setembro e, embora ele tenha afinidades com alguns dos oito postulantes ao cargo, nenhum deles é considerado seu substituto natural. Por isso, o núcleo duro de Janot na força-tarefa da Lava Jato está seguindo à risca uma estratégia estabelecida desde o início do ano: acelerar ao máximo os trabalhos para concluir tudo o que for considerado importante antes do início do reinado do próximo mandatário.
Por tudo, entenda-se tudo mesmo. Os acordos possíveis de delação serão fechados; inquéritos serão encaminhados para abertura imediata; e investigações de denúncias ainda pendentes serão concluídas. Janot não quer deixar para trás nada que for relevante. O sprint deve fazer eclodir novos abalos no mundo político e econômico.
A delação mais importante dessa reta final é a de Antonio Palocci, cérebro financeiro das campanhas de Lula e o ministro petista mais querido do empresariado – um carinho que, sabe-se hoje, não era apenas fruto de suas habilidades como gestor e político. A colaboração da OAS - acusada de presentear o ex-presidente Lula com um triplex no Guarujá - também está no forno”.
Blog Sim Nós Podemos!!!!👉👈?